Nutrição Ayurveda

Nutrição Ayurveda

Alimente-se de forma saudável

O objetivo da nutrição é fornecer ao nosso corpo substâncias nutritivas e outras essenciais, como vitaminas, minerais e oligoelementos, e manter nosso nível de energia equilibrado.

No entanto, o conhecimento ayurvédico sobre nutrição vai muito além. As escrituras descrevem ideias e princípios holísticos que nem mesmo são conhecidos na dietética moderna. Por exemplo o “Modelo Bioenergético; que classifica as substâncias com base no sabor (rasa), na potência (viriya), no efeito pós-digestivo (vipaka), na sua ação específica (prabhava) e nos atributos (gunas).Este modelo dá mais importância aos efeitos das substâncias sobre o corpo como um todo, ou seja, considera os efeitos sobre os doshas, os dhatus, os srotas e os malas. O Modelo Bioespiritual; Classsifica as substâncias de acordo com os trigunas: sattva (clareza), rajas (agitação) e tamas (escuridão), considerando o os efeitos das substâncias sobre a mente e a consciência. De acordo com a Ayurveda, para melhor atender às necessidades do nosso corpo, Assim, as substâncias com predomínio
sattva aumentam a perceção e o discernimento, as substâncias de predomínio rajas causam agitação mental, e as substâncias com predomínio tamas embrutecem a mente e os sentidos.”

Não se trata apenas da qualidade dos alimentos que ingerimos, mas também da forma como são preparados, a compatibilidade entre os alimentos, o lugar em que comemos, a hora que comemos e do funcionamento no nosso sistema digestivo. A boa saúde começa com uma boa digestão. Como dizem as escrituras ayurvédicas, é igualmente importante um metabolismo que funcione bem – em outras palavras, que nossos alimentos sejam absorvidos adequadamente. Dentro da educação em saúde ayurvédica, a nutrição recebe tanta importância quanto os fitoterapicos; é utilizada para o tratamento e prevenção de queixas e como um meio valioso para equilibrar os doshas.

10 dicas nutricionais ayurvédicas

Se você deseja fazer algo de bom para si mesmo fazendo algumas mudanças em sua dieta, recomendamos que você dê um passo de cada vez. Comece com uma ou duas coisas que você pode facilmente encaixar em sua vida diária. Espere até que tudo corra bem antes de dar o próximo passo.

  1. Coma apenas quando estiver com fome
    Confie nos sinais que seu corpo dá. Não coma até sentir muita fome e a refeição anterior ter sido totalmente digerida (cerca de 3-5 horas após a refeição principal).Não coma demais, o estômago só deve estar 3/4 cheio após as refeições.
  2. Coma em horários definidos
    Tente fazer suas refeições mais ou menos no mesmo horário todos os dias.
    Considere o almoço sua refeição principal e mantenha as refeições leves pela manhã e à noite. De preferência, almoce por volta das 12:00 horas-nesta hora do dia, o fogo digestivo (agni) está mais forte. Jante no início da noite (18:00 e não depois das 19:00) e evite alimentos pesados como carne, salsichas, peixe, iogurte, queijo, leitelho, requeijão ou produtos similares ricos em proteínas. Estes são estressantes para o corpo e podem atrapalhar sua noite de sono. Não coma lanches enquanto não estiver com fome.
  3. Coma em um ambiente descontraído
    Proporcionar um ambiente calmo e descontraído durante as refeições.
    Recomendamos que você não leia, trabalhe ou assista televisão enquanto come.
    Sempre faça suas refeições sentado e, em seguida, sente-se em silêncio por 5 a 10 minutos ou até mesmo deite-se para dar ao seu corpo a chance de se preparar totalmente para digerir a comida.
  4. Observe seu ritmo com cuidado
    Não coma muito rápido, mas também não coma muito devagar. E mastigue tudo bem.
  5. Coma refeições preparadas na hora
    Certifique-se de que o que você come é preparado na hora, saboroso, facilmente digerível e quente. Prefira não esquentar nada e evite alimentos que Website Kāma Ayurvedic Wellness Center versão em português estão muito tempo parados. Escolha produtos frescos, completos e orgânicos sempre que possível.
  6. Coma alimentos cozidos em particular
    Certifique-se de que a maior parte do que você come é cozido, pois o corpo pode absorver melhor os alimentos dessa maneira. Coma vegetais crus como acompanhamento (salada). O mel não deve ser aquecido e, portanto, não deve ser usado para cozinhar ou assar.
  7. Mais como um ‘bônus’: refine seus pratos com os temperos certos
    Dê sabor aos seus pratos com especiarias apropriadas. Os sabores também são importantes e têm seus próprios benefícios para a saúde. As especiarias também podem promover a digestão e ser usadas especificamente para melhorar o equilíbrio dos doshas. Vata, Pitta ou Kapha-Churnas são muito adequados para isso.

    Para manter o equilíbrio de nossos doshas, é importante incluir cada uma das seis direções gustativas em todas as refeições, sempre que possível. Especiarias podem ser úteis aqui.

  8. De preferência, beba algo quente e não muito com as refeições
    Se quiser beber algo enquanto come, escolha bebidas como água, suco ou lassi e tome-as em pequenos goles. Se você quiser beber mais, é aconselhável fazêlo pelo menos uma hora antes ou depois de uma refeição. Bebidas quentes/quentes são preferidas e bebidas geladas devem ser evitadas.

    Evite leite em suas refeições. No entanto, o leite pode ser bem combinado com torradas, cereais e alimentos doces.

  9. Combine sua dieta com o seu tipo de dosha
    Além dessas orientações nutricionais gerais, o Ayurveda tem um papel central na nutrição que corresponde ao tipo de dosha relevante, levando em consideração o equilíbrio individual do dosha e o poder digestivo (agni).
  10. Use suplementos dietéticos ayurvédicos
    Complemente sua dieta com suplementos nutricionais. Dependendo da composição, você também pode usá-lo especificamente para manter melhor o equilíbrio do seu dosha.

Sugestões nutricionais individuais

A nutrição ayurvédica aconselha, portanto, além das orientações nutricionais gerais, adequar a dieta às necessidades individuais, com base no tipo de dosha, idade, capacidade
digestiva, estação do ano, hora do dia, ambiente e estado de saúde atual.

Alimentos e sabores também são classificados de acordo com seu efeito nos três doshas.
Isso possibilita o uso de produtos específicos para promover um equilíbrio saudável dos doshas e garantir que o corpo e a mente sejam otimamente nutridos.

Segundo a Ayurveda, comer os produtos certos, nas quantidades certas, na hora certa e da maneira certa pode dar uma contribuição importante para prevenir doenças e retardar o
processo de envelhecimento.

Para ajudá-lo em seu caminho, listei nesta página algumas dicas ayurvédicas que, sem dúvida, beneficiarão sua saúde.

O fogo digestivo 'agni'

Quão bem nosso corpo absorve e converte os nutrientes em nossos alimentos depende em grande parte do nosso sistema digestivo. Dentro do Ayurveda usamos o conceito muito mais amplo de ‘agni’, que pode ser traduzido como fogo digestivo ou poder digestivo e influencia todos os nossos processos físicos e mentais.

De acordo com o Ayurveda, Agni não apenas controla o processo digestivo no trato gastrointestinal, mas também regula o metabolismo completo e o processamento de nossos alimentos e a distribuição de todos os seus componentes para cada célula do nosso corpo. Quanto mais forte for o poder digestivo, melhor tudo será absorvido e menos resíduos serão criados.

Para prevenir doenças e viver com boa saúde o maior tempo possível, os especialistas ayurvédicos aconselham sempre ajustar a dieta ao poder digestivo pessoal. Enquanto
pessoas com um agni forte geralmente toleram alimentos um pouco mais pesados, em pessoas com um agni fraco isso pode realmente levar a uma sensação de inchaço e outras queixas irritantes. A força do fogo digestivo também depende da proporção entre os três doshas.

Doshas como um sinal para a dieta certa

Segundo o Ayurveda, um bom equilíbrio entre os três doshas Vata, Pitta e Kapha é a melhor base para uma vida saudável e feliz. Dependendo de qual dosha domina, distinguimos os tipos Vata, Pitta e Kapha no Ayurveda.
A forma como os diferentes doshas se relacionam em nosso corpo também influencia nosso agni e digestão. Enquanto alguém com um dosha Pitta pronunciado geralmente tem um agni forte, os tipos Kapha geralmente têm um agni mais fraco. Para as pessoas nas quais Vata predomina, as flutuações no agni e na digestão são novamente muito típicas.
Você pode apoiar o equilíbrio do seu dosha adaptando os produtos que come e como os prepara ao seu tipo de dosha e à estação em questão. Se você é um tipo misto de dois ou três doshas, é melhor se guiar pelo dosha que predomina em você.

Dieta adaptada ao tipo de dosha significa:

  • a quantidade correta
  • a correta seleção e composição dos produtos
  • especiarias apropriadas
  • a preparação ideal

Gostaria de saber mais sobre como você pode melhorar o equilíbrio do seu dosha com a dieta certa e, assim, manter doenças e outros males afastados pelo maior tempo
possível?
Entre em contato comigo para que juntos possamos montar uma combinação ideal de dicas nutricionais.

Na minha loja virtual, você encontrará uma variedade de chás de ervas, suplementos nutricionais e misturas prontas (kitchari) para ajudá-lo a compor sua dieta.